Como a perda auditiva é diagnosticada?

Como a perda auditiva é diagnosticada
julho 24, 2019

Estes são os testes que permitem detectar a perda auditiva. Se você, seu filho ou um ente querido estiver com dificuldades auditivas, consulte um médico especialista o mais rápido possível.

Os testes para diagnosticar a perda auditiva podem incluir:

– Exame físico: seu médico procurará em seu ouvido as possíveis causas de sua perda auditiva,
como cerume ou inflamação oriundos de um processo infeccioso. Ele também examinará
qualquer causa estrutural de seus problemas auditivos.

– Testes gerais de triagem: é possível que seu médico peça que você tape um ouvido de cada
vez para ver quão bem você ouve as palavras pronunciadas em vários volumes e como
responde a outros sons.

– Testes de diapasão: os diapasões são instrumentos metálicos de duas pontas que produzem
sons quando atingidos. Testes simples com diapasão podem ajudar seu médico a detectar a
perda auditiva. Uma avaliação do diapasão também pode revelar se a perda de audição é
provocada por danos nas partes de vibração do ouvido médio (incluindo o tímpano), danos aos
sensores ou nervos do seu ouvido interno ou se há danos em ambas as estruturas.

Testes auditivos comuns são:

  1. Audiometria
    Um audiograma mapeia sua perda auditiva por meio de uma gama de diferentes frequências
    de som. Um fonoaudiólogo usa esse teste para ajudar a avaliar a melhor maneira de controlar
    sua perda auditiva.
    – Um audiograma é frequentemente chamado de “teste auditivo”.
    – É um registro escrito dos seus níveis de audição.
    – Uma série de audiogramas pode rastrear mudanças na audição ao longo do tempo.
    – Níveis de limiar de audição (os sons mais silenciosos que pode ouvir) são medidos em
    decibéis (dBNA) em diferentes frequências de baixa (500 Hz) a alta (8.000 Hz).
    Os audiogramas testam uma gama de sons de baixa e alta frequências (tons). As frequências
    do teste, medidas em Hertz (Hz), geralmente oscilam entre 500 Hz (cerca da metade da escala
    do piano) até 6.000 ou 8.000 Hz (um pouco acima da nota mais alta que pode tocar um piano).

2. Impedanciometria

É um teste que é realizado para avaliar o funcionamento de um ouvido médio diante de um
estímulo sonoro, bem como a mobilidade e a integridade da membrana timpânica e a
continuidade da cadeia ossicular (martelo, estribo e bigorna).

É um teste otorrinolaringológico totalmente indolor e objetivo que serve para avaliar como a
onda sonora se comporta ao longo do ouvido médio.

A participação ativa do paciente não é necessária, diferentemente do que acontece com a
audiometria.

Em que consiste esse estudo?

Consiste na introdução de uma sonda no ouvido externo para que fique completamente
vedado. Essa sonda é composta de três dutos:

– Um deles está ligado a uma bomba de pressão que permite a variação da pressão da sonda.

– Outro dos dutos está ligado a um pequeno alto-falante que emite um som de baixa
frequência. O que deveria acontecer em um ouvido em condições normais é que, se a pressão
da cavidade artificial é igual à da cavidade timpânica, a oscilação do complexo ossicular é
máxima, ou seja, a impedância que apresenta é mínima.

– O terceiro e último é conectado a um microfone que transforma o som em um impulso
elétrico que é avaliado por um dispositivo chamado voltímetro.

Medir sua audição será útil para descobrir o tipo de problema auditivo que você ou seu filho
pode ter.

Da mesma forma será possível descobrir se a perda auditiva é leve, moderada, severa ou
profunda.

Outros testes para ajudá-lo a saber se seu filho tem perda auditiva.

Clique aqui: encontre um panorama completo da audição, perda auditiva e tratamentos para
perda auditiva.

AVISO LEGAL
As informações contidas neste guia são apenas para fins educacionais e não se destinam a
diagnosticar, prescrever tratamento ou substituir o aconselhamento médico. Consulte o seu
médico ou profissional de saúde sobre tratamentos para perda auditiva. Eles serão capazes de
aconselhar sobre uma solução adequada para a sua condição de perda auditiva. Todos os
produtos devem ser utilizados apenas conforme indicado pelo seu médico ou profissional de
saúde. Nem todos os produtos estão disponíveis em todos os países. Por favor, entre em
contato com seu representante local da Cochlear™.