“Devo revelar minha perda auditiva durante uma entrevista de emprego?”

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Durante uma entrevista de emprego, as baterias do processador de Julia Gilchrist descarregaram, deixando-a desconectada.

Isso poderia ter sido uma experiência negativa. Em vez disso, a especialista em comunicação corporativa de 37 anos aproveitou a oportunidade para mostrar a banca de entrevistadores como ela trabalha sob pressão.

Tirei as pilhas novas da minha bolsa, continuei respondendo, trocava as pilhas, liguei o processador novamente e perguntei:" Você tem mais alguma pergunta?"

sso iniciou uma discussão sobre o possível impacto que a perda auditiva de Julia poderia ter sobre sua capacidade de realizar o trabalho. Julia vive com um implante coclear desde os 20 anos e está prestes a atualizar para um processador de som Cochlear™ Nucleus® Kanso®.

Julia nasceu profundamente surda e foi diagnosticada aos 18 meses com perda auditiva neurossensorial bilateral. Depois de terminar o colegial, ela se formou na faculdade com dupla especialização em comunicação e política.

O incidente com a bateria na entrevista de emprego permitiu que Julia tranquilizasse os entrevistadores que sua perda auditiva não afetaria seu desempenho. A banca ficou impressionada com a forma como lidou com a situação.

Você precisa se rotular como uma pessoa forte e vender sua capacidade de resistência"

diz Julia

Para muitos usuários, a experiência de Julia levanta várias questões: quando ela deve divulgar sua perda auditiva ao se candidatar a um novo emprego? Tudo bem pedir aos entrevistadores que repitam as perguntas? É razoável perguntar se a entrevista pode ser realizada em um local tranquilo? A entrevista envolverá uma banca de pessoas fazendo perguntas?

A especialista em recrutamento Nina Mapson Bone da Beaumont People, uma empresa de recrutamento na Austrália, e Julia dão as 7 principais dicas para candidatos a emprego com perda auditiva.

1. Antes de se candidatar a uma posição, faça a si mesmo a pergunta, é correto para mim?

Nina recomenda evitar a tentação de se candidatar a muitos empregos ao mesmo tempo para maximizar suas chances de sucesso.

Aprenda sobre a cultura da empresa, se o trabalho será adequado ao seu conjunto de habilidades e se o escritório é um ambiente barulhento e aberto.

Se você não sabe o que quer, vai acabar em um emprego que realmente não gosta".

Além disso, pesquise as tarefas essenciais da função e verifique se você pode realizá-las sem que sua perda auditiva interfira.

2. Revele sua perda auditiva na entrevista, não quando você se inscrever

Os candidatos a emprego geralmente competem contra muitos candidatos, e os empregadores procuram maneiras de examinar um alto volume de solicitações.

Por esse motivo, Nina sugere revelar sua perda auditiva durante a entrevista, na qual você pode construir um relacionamento, em vez do pedido ou aplicativo inicial por escrito.

Dê a si mesmo o máximo de oportunidades possível".

Ela acrescenta que muitas vezes não há obrigação legal de divulgar a perda auditiva, a menos que isso afete sua capacidade de realizar o trabalho, verifique as leis locais como parte de sua investigação.

Julia concorda que é melhor esperar até a fase da entrevista antes de revelar sua perda auditiva, a menos que a audição seja crítica para o papel. Dessa forma, os empregadores se concentram em suas habilidades e não se uma pessoa com perda auditiva será bom para a empresa e sua imagem, diz ela.

Nina recomenda uma breve revelação durante a entrevista informanado que tem um implante, isso é tudo o que é preciso: “Isso é provavelmente tudo o que a grande maioria das pessoas precisa dizer“.

E incentive os entrevistadores a fazerem perguntas sobre os implantes Cochlear™ para que eles não façam suposições incorretas, acrescenta ela.

Se você, como candidato a emprego, aceitar que as pessoas façam perguntas, você realmente se moverá muito rapidamente para um ponto em que isso é irrelevante. E esse é o ponto: é sobre o quão bom você é para a posição".

3. Prepare-se para a entrevista

Nina diz que não existe muita pesquisa ou preparação para uma entrevista.

Ser informado sobre a empresa e ter boas perguntas preparadas antes de uma entrevista ajudará você a ter sucesso, diz ela.

4. Não tenha medo de fazer perguntas que realcem sua perda auditiva

Nunca exite em pedir ao entrevistador que repita a pergunta ou o deixe saber que não o entendeu completamente, e peça ao entrevistador que olhe para você enquanto ele faz uma pergunta, diz Nina.

Em uma entrevista com uma banca, onde as pessoas podem falar simultaneamente, não há nada de errado em dizer que não escutou ou entendeu as perguntas.

Também mantenha o contato visual com todos na sala, o que significa que será um desafio se você não estiver acostumado a ler os lábios.

5. Transparência: mostre uma atitude aberta e não esconda nada

Sinta-se à vontade para perguntar ao entrevistador se você tem alguma dúvida sobre sua inscrição ou sua capacidade de desempenhar o papel, diz Nina.

Eu nunca conheci alguém que não ficou impressionado quando fez perguntas e é uma maneira muito boa de terminar a entrevista".

6. As coisas simples também contam

Nina diz que na hora de uma entrevista de emprego, estar com uma atitude positiva, um sorriso e mostrando confiança são táticas vencedoras.

A maioria dos candidatos não faz isso muito bem. Destaque-se com boa preparação geral.

Isso colocará você automaticamente à frente de 90% a 95% das pessoas que se candidatam a uma vaga".

7. Tenha confiança

A dica mais importante de Nina é lembrar que a confiança é contagiosa.

Ter confiança na sua capacidade de desempenhar o papel e ser um candidato agradável, amigável e bem preparado é realmente o melhor que você pode ser"

diz ela

Em geral, os candidatos que enfrentam uma falta de habilidade têm mais capacidade de resiliência, empatia e são melhores em seu trabalho em equipe porque essas habilidades os ajudam a superar obstáculos, diz ela.

Julia recorda e sugere aos candidatos se mantenham focados em seu trabalho e não na sua perda auditiva: “Eu levei muito tempo para aprender isso”.

Dicas Adicionais

Se você decidir revelar a sua perda auditiva antes de uma entrevista de trabalho, considere estes itens, diz Nina:

Isenção de responsabilidade

A informação neste guia é somente para fins educativos e não tem a intenção de diagnosticar, prescrever tratamento ou substituir o conselho do médico. Consulte o seu médico ou profissional da saúde sobre os tratamentos para a perda da audição. Eles poderão assessorar sobre uma solução adequada para a sua condição de perda auditiva. Todos os produtos devem ser usados somente segundo as indicações do seu médico ou profissional da saúde. Nem todos os produtos estão disponíveis em todos os países. Por favor, entre em contato com seu representante local da Cochlear™.

As opiniões expressas são do indivíduo. Consulte seu profissional da saúde para definir se você é elegível para a tecnologia Cochlear.

D1721864