Você tem implantes auditivos e precisa fazer uma ressonância magnética? Não esqueça de tomar esses cuidados

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter

Uma radiografia, uma ressonância magnética ou uma tomografia são seguras para as pessoas que têm um implante auditivo? Se você tiver que fazer algum desses exames, lembre-se de tomar esses cuidados com seu implante.

Ter um implante auditivo, seja coclear ou acústico, significa ter uma nova oportunidade de escutar, de desfrutar as vozes, a música, a televisão…,mas também significa que se deve manter certos cuidados caso necessite passar por alguns exames diagnósticos específicos ou especialmente se forem de imagens. 

Em geral, os implantes não necessitam de muitos cuidados, ao contrário dos processadores de som. Deve-se evitar batidas na zona onde está localizado o implante, por isso não se recomendam os esportes de alto impacto físico para as pessoas implantadas, por exemplo.

Não há necessidade de preocupação com o implante, nem pela água ou pelo pó, pois está embaixo da pele. Porém, os implantes podem ser submetidos sem problemas aos exames de raio X quando for necessária uma radiografia? O que acontece com uma tomografia? E com uma ressonância magnética?

Como cuidar de um implante auditivo?

Após a cirurgia para o implante, os cuidados são poucos: cuidar para que cicatrize bem a pequena incisão, lavá-la bem (porém com cuidado) e procurar não bater nesta área. Entre três e cinco semanas depois da cirurgia, o processador de som será ativado e começará o processo de reabilitação auditiva. 

Nada mais é necessário fazer com o implante além de desfrutar dos seus benefícios. No entanto, é recomendável que os usuários carreguem consigo, além da sua documentação, um aviso que alerte aos médicos que é portador(a) de um implante, caso seja necessário realizar alguns destes exames que não estavam previstos.

O implante auditivo e as radiografias

Se você tiver que fazer uma radiografia e não sabe se deve alertar o radiologista que tem um implante coclear, não se preocupe, não há problema. Uma radiografia não afeta o funcionamento do implante. O que pode acontecer é que, se a radiografia for da cabeça ou do crânio, o implante produzir algumas sombras na imagem.  De qualquer maneira, é sempre bom informar ao radiologista sobre a presença do implante.

O implante auditivo e as tomografias

O TAC, ou tomografia axial computorizada, também não representa riscos para o implante e nem para seu usuário. Um TAC também utiliza raios X, porém, ao invés de tirar uma só imagem, faz uma série de radiografias que compõem uma imagem mais completa. Novamente, o implante não representa nenhum problema ou risco, mas não deixe de alertar o radiologista sobre sua presença.

O implante auditivo e a ressonância magnética

Com este exame diagnóstico é necessário ter algumas precauções. O equipamento que se utiliza para este exame pode afetar o ímã do implante coclear, estragando-o ou ainda causar feridas ao usuário se não forem tomadas medidas de prevenção. Portanto, se você tiver que passar por um exame de ressonância magnética (MRI), é necessário levar em consideração o seguinte:

Se você tiver dúvidas, entre em contato com a Cochlear para resolvê-las antes de realizar a ressonância magnética. Os especialistas deveriam consultar com o guia do médico para maiores detalhes quando tiverem pacientes implantados.

*Ou seja, o Cochlear™ Nucleus® Profile™ e o implante acústico OSI200.

Isenção de responsabilidade

A informação neste guia é somente para fins educativos e não tem a intenção de diagnosticar, prescrever tratamento ou substituir o conselho do médico. Consulte o seu médico ou profissional da saúde sobre os tratamentos para a perda da audição. Eles poderão assessorar sobre uma solução adequada para a sua condição de perda auditiva. Todos os produtos devem ser usados somente segundo as indicações do seu médico ou profissional da saúde. Nem todos os produtos estão disponíveis em todos os países. Por favor, entre em contato com seu representante local da Cochlear™.

D1866842